Arquivos Renato Roseno - Blog Edison Silva

Homofobia e nome social: deputada Silvana sobe o tom contra decisões da Assembleia e do STF

Com o fim das votações na última quinta-feira (11), todos acreditavam que o clima estaria leve na sessão desta sexta na Assembleia Legislativa. No entanto, logo no primeiro pronunciamento do dia, os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e até a presidência da Casa foram alvo de críticas por parte da deputado Dra. Silvana (PL), que utilizou os dois primeiros tempos do 1º expediente para lamentar algumas decisões recentes na Assembleia e no STF.

Para deputado Roseno, a discussão deveria ser sobre o conteúdo do material revelado e não como ele foi adquirido

O deputado estadual Renato Roseno (PSOL) utilizou seu tempo no primeiro expediente desta quinta-feira (13) na Assembleia Legislativa para abordar outro assunto que vem sendo bastante debatido nesta semana na Casa, as denúncias feitas pelo site The Intercept com conversas entre o ministro Sérgio Moro, então juiz federal, com procuradores da Operação Lava-Jato.

Sem deputados governistas a sessão da AL foi rápida. O deputado Roseno não pode relatar seu encontro com a ministra

Após conversar pessoalmente com a ministra Cármen Lúcia, o deputado estadual Renato Roseno (PSOL) pretende tratar com os demais 11 ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) em defesa da Lei 16.820/2019 do Ceará, de sua autoria, que proíbe a pulverização aérea de agrotóxicos e a incorporação de mecanismos de controle vetorial por meio de dispersão por aeronave em todo o estado.

Deputado Roseno defenderá no Supremo lei cearense que proíbe pulverização aérea com agrotóxicos

Diante da tentativa da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) de derrubar no Supremo Tribunal Federal (STF) a Lei 16.820/2019 do Ceará, que proíbe a pulverização aérea de agrotóxicos e a incorporação de mecanismos de controle vetorial por meio de dispersão por aeronave em todo o estado, o deputado estadual Renato Roseno (PSOL) irá nesta quarta-feira pessoalmente até o STF para defender a lei.