STF decide que o Presidente da República pode escolher para reitor qualquer um da lista tríplice

Por maioria de votos, o Supremo Tribunal Federal (STF) indeferiu pedido de liminar ajuizada pelo Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) com o objetivo de que, na nomeação dos reitores e dos vice-reitores das universidades federais e dos diretores das instituições federais de ensino superior, o presidente da República, Jair Bolsonaro indicasse os nomes mais votados nas listas tríplices enviadas pelas instituições.

Por |2021-02-10T20:42:42-03:0010 de fevereiro de 2021|Tags: , , , , , |