Brics destina R$ 5,75 bilhões para reconstrução do RS

O vice-presidente da República Geraldo Alckmin e a presidente do Banco do Brics Dilma Rousseff, formalizaram, na terça-feira (4), a destinação de US$ 1,115 bilhão (R$ 5,75 bilhões) para apoiar a reconstrução do Rio Grande do Sul. A formalização ocorreu durante viagem oficial de Alckmin à China. O apoio já havia sido anunciado em maio.

Por |2024-06-05T16:27:56-03:005 de junho de 2024|Tags: , , , , , |

Dilma no comando do banco do Brics terá como grandes desafios a economia verde e a guerra na Ucrânia

Dilma presidirá o banco até julho de 2025, quando acaba o mandato rotativo entre os países fundadores da instituição financeira. Após o presidente Lula tomar posse, o governo articulou a troca de poder, consultando todos os sócios. Na próxima sexta-feira (24), no mesmo dia em que Troyjo deixa o cargo, Dilma será eleita formalmente para assumir o posto em Xangai, mas uma cerimônia oficial de posse está prevista durante a viagem de Lula à China.

Por |2023-03-20T14:19:05-03:0020 de março de 2023|Tags: , , , |

Economia verde e Rússia serão desafios para ex-presidente Dilma no comando do Banco do Brics

A ex-presidenta Dilma Rousseff vai comando o Novo Banco de Desenvolvimento (NDB, na sigla em inglês), nome oficial do Banco do Brics, bloco formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. O banco atualmente investe US$ 4 bilhões no Brasil, principalmente em rodovias e portos.

Por |2023-03-20T10:50:38-03:0019 de março de 2023|Tags: , , , , , , , , |
Ir ao Topo