“Nossa casa é o PL”, diz Dr. Jaziel sobre permanecer na sigla do presidente Jair Bolsonaro

Conforme mostrado pelo Blog, devem se filiar ao PL os vereadores de Fortaleza: Inspetor Alberto (PROS), Priscila Costa (PSC), Carmelo Neto (Republicanos), além da secretária de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde do Ministério da Saúde, Mayra Pinheiro; o Coronel Aginaldo; e o pai do deputado André Fernandes, o pastor Alcides Fernandes.

Por |2022-01-06T19:37:14-03:006 de janeiro de 2022|Tags: , , , , , |

Deputada quer dispensa do “passaporte da vacina” em templos religiosos no Ceará

Como justificativa, Silvana diz que a proposta de Lei coloca em prática o direito assegurado pela Constituição, que em seu Art. 5º, inciso VI, garante às instituições religiosas ao livre exercício dos cultos e a proteção dos locais e suas liturgias. Ela lembrou decreto recente do governador de Pernambuco, Paulo Câmara, que decretou condições para a entrada em cultos religiosos a apresentação do cartão de vacina contra a Covid ou teste negativo.

Por |2021-11-27T19:58:07-03:0027 de novembro de 2021|Tags: , , , |

Deputada Dra. Silvana defende que o Partido Liberal no Ceará se alinhe a Bolsonaro após filiação do presidente

Segundo a parlamentar, caso o partido fique sob o comando de outra liderança, que não o deputado Dr. Jaziel, marido dela, não estará totalmente alinhado com a nova postura política do Partido Liberal. Silvana teme que, sob o comando do deputado federal Júnior Mano, por exemplo, que é aliado do grupo dos irmãos Ciro e Cid Gomes (PDT), haja conflitos internos, visto o ingresso de Jair Bolsonaro na agremiação.

Por |2021-11-12T20:44:13-03:0012 de novembro de 2021|Tags: , , , , , , |

Deputados cearenses debatem casos de violência contra mulheres e grupos minoritários

A prisão do músico Iverson de Souza Araújo, conhecido por DJ Ivis, acusado de agredir sua esposa, Pamella Gomes de Holanda, foi debatido por parlamentares na sessão plenária desta quinta-feira (15), na Assembleia Legislativa. As agressões foram filmadas e Ivis foi detido pela Polícia na última quarta-feira (14). Renato Roseno (PSOL) foi o primeiro deputado a discutir a respeito do assunto. Ao assistir as violências gravadas, ele refletiu acerca de outras agressões, cometidas contra grupos minoritários, e não registradas.

Ir ao Topo