Novo reajuste dos professores de Fortaleza inicia tramitação na Câmara Municipal - Blog Edison Silva

Novo reajuste dos professores de Fortaleza inicia tramitação na Câmara Municipal

Na semana passada, professores estiveram na Câmara Municipal e aceitaram a proposta do Governo. Foto: Blog do Edison Silva.

Depois de compromisso firmado entre o prefeito Roberto Cláudio e professores da rede pública municipal, inicia tramitação na Câmara de Fortaleza nesta terça-feira (11) projeto de Lei do Executivo que concede reajuste aos profissionais do magistério e aos assistentes da educação infantil. A categoria receberá, até setembro, um aumento de 4,31% no vencimento base e a partir de setembro, haverá um acréscimo de 8, 1775%, chegando ao fim do ano com os 12,84% (percentual do reajuste do piso nacional) requeridos pela categoria.

Na semana passada, em assembleia geral realizada na Câmara Municipal de Fortaleza, a presidente do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação do Ceará (Sindiute), Ana Cristina Guilherme, chegou a dizer que com este reajuste, os professores de Fortaleza poderiam ter o maior piso salarial do Brasil. Apesar de aceitarem proposta do Governo, categoria manteve estado de greve.

Fortaleza pode ter o maior piso salarial para professor em todo o Brasil, diz presidente do Sindiute

De acordo com a mensagem do Governo Municipal, o projeto de Lei representa o compromisso da gestão com os servidores do magistério e assistentes da educação infantil. “Tal esforço requer responsabilidade e prudência para que não comprometa a prestação dos serviços à sociedade de Fortaleza, bem como a segurança do pagamento da folha de pessoal no calendário estabelecido”, diz a matéria.

A proposta diz que a partir de setembro fica reajustado em 8,17755% o vencimento básico dos servidores que integram o Plano de Cargos, Carreiras e Salários do Ambiente de Especialidade Educação, do Núcleo de Atividades Específicas da Educação e aos servidores ocupantes do cargo de Assistente da Educação Infantil.

Categorias

O reajuste também será aplicado aos servidores aposentados e pensionistas e à remuneração dos professores e assistentes da Educação Infantil contratados temporariamente. Também será fixado em R$ 14,10 o Auxílio de Dedicação Integral. O Governo também editará, por decreto, as tabelas e matrizes salariais do PCCS das categorias.

Um comentário sobre “Novo reajuste dos professores de Fortaleza inicia tramitação na Câmara Municipal

Deixe uma resposta