Exclusão de Heitor Férrer gera mal-estar e Comissão de Saúde adia eleição de presidente - Blog Edison Silva

Exclusão de Heitor Férrer gera mal-estar e Comissão de Saúde adia eleição de presidente

Heitor questiona ao presidente Evandro Leitão por que não é titular da comissão. Foto: ALECE.

A exclusão do deputado Heitor Férrer (SD) da Comissão de Seguridade Social e Saúde da Assembleia Legislativa do Ceará gerou um impasse entre os parlamentares e fez com que apenas essa comissão não elegesse, nesta quinta-feira (11), presidente e vice do colegiado. Na sessão ordinária foram escolhidos os presidentes das comissões técnicas.

O impasse, no caso de Heitor, apareceu após a leitura dos membros das comissões. Heitor Férrer descobriu que, diferentemente do que ocorreu nos últimos anos, não faria parte como titular da Comissão de Seguridade Social e Saúde, mas apenas como suplente.

Desgostoso com a informação, Férrer reclamou em plenário. O presidente Evandro Leitão afirmou que entendeu, nas conversas entre ambos, que o colega havia mostrado interesse em participar, mas não via problema em ficar como suplente. Sem gostar da explicação, Heitor foi chamado por Leitão para conversar.

Como ainda há um prazo de alguns dias para a eleição de presidente e vice da comissão, e uma eventual mudança dos membros titulares poderia mudar o resultado do pleito, o colegiado não se reuniu nesta quinta-feira (11).

Presidência

Apesar de escolhida por votação entre os membros, a chapa de presidente e vice da comissão costuma ser alinhada antes, disputando como candidatura única. Presidente nos últimos dois anos da Comissão de Saúde, a deputada Dra. Silvana (PL) espera ser recolocada no cargo. Ela afirma que o assunto foi alinhado com o presidente Evandro Leitão ainda quando ele era candidato à presidência da AL.

Férrer, antes de descobrir que não estaria como titular da comissão de Saúde, chegou a afirmar que não tinha condições de pleitear a presidência do colegiado por causa da proporcionalidade dos partidos, visto que o Solidariedade, ao qual é filiado, tem apenas dois parlamentares na Casa. Dizia ainda esperar que a presidência da comissão ficasse com alguém de um partido com mais de dois deputados. O problema é que o Partido Liberal – PL de Silvana tem hoje apenas a deputada, visto que Bruno Gonçalves (PL) renunciou ao mandato ao ser eleito prefeito de Aquiraz.

Confira os membros da Comissão de Seguridade Social e Saúde:

Deixe uma resposta