Pré-candidato a prefeito de Fortaleza, tucano afasta possibilidade de aliança com PDT - Blog Edison Silva

Pré-candidato a prefeito de Fortaleza, tucano afasta possibilidade de aliança com PDT

Pré-candidato à Prefeitura de Fortaleza, ex-deputado Carlos Matos /Foto: Blog do Edison Silva

Anunciado como pré-candidato do PSDB à Prefeitura de Fortaleza, o ex-deputado estadual Carlos Matos esteve nesta quinta-feira (11) na Assembleia Legislativa do Ceará, onde tentou um encontro com o presidente da Casa, José Sarto (PDT). O tucano, na ocasião, afastou a possibilidade de a sigla aliar-se ao candidato pedetista a prefeito da Capital nas eleições de 2020.

“Nesse momento, nós estamos querendo construir o nosso caminho. Estamos todos os sábados visitando bairros, estamos já com 35 pré-candidatos a vereador. Estamos realmente intensificando e aquecendo as turbinas para construir o espaço do PSDB”, afirmou Carlos Mesquita. O ex-deputado disse ainda que a declaração dada pelo senador Tasso Jereissati (PSDB) que reconhecia a possibilidade de convergência de ideias com o PDT não significa uma “aliança” com a sigla.

“Ele disse que tudo pode acontecer, porque a política tem uma dinâmica e abertura para o diálogo. Não se pode fechar o diálogo nunca. Daí a gerar convergência para uma aliança há uma distância gigante”, afirmou o tucano. No entanto Carlos Matos reconheceu que a decisão sobre aliança ou apoio na campanha eleitoral não será tomada pessoalmente por ele.

Ainda sobre a presença do senador Tasso no lançamento de um conjunto de obras do prefeito Roberto Cláudio (PDT), o ex-deputado disse se tratar apenas de uma troca de gentilezas entre os dois políticos. “Ele foi convidado pelo prefeito [Roberto Cláudio] porque contribuiu para esse R$ 1,5 milhão que veio para a Prefeitura. Ele foi decisivo no Senado Federal, para que esse recurso chegasse aqui. O prefeito fez um gesto de gratidão a ele, e ele foi com um gesto de delicadeza”, explicou Carlos Matos.

Deixe uma resposta