Pré-candidato em Fortaleza, Heitor Férrer tem dificuldade para encontrar um vice para a chapa - Blog Edison Silva

Pré-candidato em Fortaleza, Heitor Férrer tem dificuldade para encontrar um vice para a chapa

Deputado já concorreu à Prefeitura de Fortaleza diversas vezes. Foto: ALECE.

Às vésperas de concorrer mais uma vez à Prefeitura de Fortaleza, agora pelo Solidariedade, o deputado estadual Heitor Férrer afirma estar tendo dificuldade para encontrar um vice para compor a chapa majoritária com ele.

“O grande problema que nós encontramos, eu particularmente, é que os partidos políticos estão praticamente todos aliados à candidatura majoritária do PDT, do prefeito Roberto Claudio, e à do Capitão Wagner, que absorveu muitos partidos. A primeira porque é poder, e o (Capitão) Wagner por contar com o recall natural da campanha anterior”, explicou Heitor.

O deputado afirmou ao Blog do Edison Silva que conversou com o ex-deputado Carlos Matos, pré-candidato pelo PSDB, e vem buscando uma conversa com o deputado federal Célio Studart (PV), que foi o segundo mais votado no Estado nas últimas eleições, atrás justamente do Capitão Wagner.

“Justamente para ver se, entre nós, há uma composição para que nós possamos ser uma alternativa a mais para a sociedade, e que saia dessa polarização natural entre essas duas candidaturas”, afirmou.

Encabeçando a chapa

A busca de um vice em outro partido encontra, nesse caso, a resistência natural de personagens que se colocam também como pré-candidatos na cabeça da chapa.Quem quer ser candidato, naturalmente por se analisar e se achar na condição de ser, fica muito difícil você se desmontar dessa candidatura. Da mesma forma, o Carlos Matos e o Célio Studart”, afirmou.

Sem negar que a intenção é encabeçar a chapa, Heitor admita que a conversa é a melhor forma de se chegar a um denominador comum. “Às vezes, nós temos que nos despir da vaidade natural que todos temos, e principalmente, de quem detém mandado popular. Mas, conversar é uma maneira de quebrar essas arestas. Conversamos com o Carlos Matos, estou tentando uma conversa com o Célio Studart e, quem sabe, se fizermos um bom programa, possamos escolher aquele que seja mais viável para disputar a Prefeitura”, explicou.

Propostas

Questionado sobre os principais temas que devem abordar na campanha, Heitor Férrer, que é médico, lembra que sempre tratou muito da questão da saúde. “Eu sempre bati muito nesse foco da saúde, e agora, mais do que nunca, a promessa exequível, sem ser mirabolante, de um candidato deve ser: saúde pública, emprego e renda. Com empreendedorismo”, afirmou.

O deputado afirmou ter o sonho de mudar o perfil de moradia na periferia da Capital com um programa de casas populares. “Eu tenho um desejo muito grande de aplicar no Estado do Ceará um programa de moradia popular. Eu vejo, por exemplo, que a Prefeitura de Fortaleza, em 2018, disponibilizou R$ 692 milhões para urbanismo, e para moradia popular R$ 35 milhões. Ou seja, um valor ínfimo para uma necessidade hoje que é constitucional e dita essencial que é a moradia digna”, concluiu.

Um comentário sobre “Pré-candidato em Fortaleza, Heitor Férrer tem dificuldade para encontrar um vice para a chapa

Deixe uma resposta