Assembleia e Câmara realizam sessão solene em homenagem ao centenário do Colégio Militar de Fortaleza - Blog Edison Silva

Assembleia e Câmara realizam sessão solene em homenagem ao centenário do Colégio Militar de Fortaleza

Colégio Militar de Fortaleza /Foto: CMF.

O centenário do Colégio Militar de Fortaleza será comemorado, fora da instituição, em sessão solene conjunta na Assembleia Legislativa com a Câmara Municipal, na terça-feira (11), a partir das 15 horas. A instituição completou 100 anos de sua fundação em primeiro de junho, mas no dia 31 de maio reuniu em suas instalações, além do governador Camilo Santana e o prefeito Roberto Cláudio, alguns generais da ativa e inúmeros oficiais que estudaram naquele estabelecimento.

A solenidade, que acontece no no Plenário 13 de Maio, atende requerimento da deputada Fernanda Pessoa (PSDB), subscrito pelos deputados Fernando Hugo (PP), Manoel Duca (PDT), Queiroz Filho (PDT) e Dr. Carlos Felipe (PCdoB). Na Câmara Municipal, o requerimento é do vereador Dr. Porto (PRTB).

Para Fernanda Pessoa, a sessão vai prestar justa homenagem a todos os que compõem o Colégio Militar e parabenizar a significativa trajetória de sucesso ao longo de 100 anos. A parlamentar ressalta ainda que a instituição tem por missão ministrar a educação básica, nos níveis fundamental e médio, em conformidade com a legislação federal da educação nacional, obedecendo às leis e tradições do Exército Brasileiro, com o objetivo de assegurar a formação do cidadão.

Entre os homenageados da solenidade estão o comandante do Colégio Militar de Fortaleza, Júlio Lima Verde Campos de Oliveira; o diretor de ensino preparatório e assistencial, Francisco Carlos Machado Silva; a professora tenente-coronel do Exército Andréa Rebouças Matias da Silveira; o primeiro-sargento Francisco Pinheiro de Lima e a comandante do Batalhão Escolar, Márgerie Thalia Costa Montezuma de Carvalho. Serão homenageados também os servidores civis Francisco Barros da Silva, Maria Neide Ferreira e Nadja Maria Silva Lima e a aluna Gianne Vidal Machado.

Deixe uma resposta