Deputados cearenses criticam intervenção do Governo Federal na definição de preço do diesel - Blog Edison Silva

Deputados cearenses criticam intervenção do Governo Federal na definição de preço do diesel

Deputado Sérgio Aguiar. Foto: Agência Assembleia.

Em seu discurso na manhã desta terça-feira (16), o deputado Sérgio Aguiar (PDT) demonstrou preocupação com a intervenção por parte do Governo Federal contra o aumento por parte da Petrobras do preço do óleo diesel. O pedetista destacou que a estatal teve R$ 32,4 bilhões de prejuízo devido à ação, tendo ainda a bolsa de valores brasileira caído 8% após a notícia.

Corroborando com a fala de Aguiar, o deputado Heitor Férrer (SD) criticou o intervencionismo do Executivo na precificação de um produto vendido por uma empresa. “Um governo não pode servir a dois reis. Todos nós brasileiros temos orgulho da Petrobras, mas a economia não permite gracinhas. No momento em que a Petrobras, das empresas mais poderosas do mundo, não puder vender o que produz, é como se a Apple não pudesse dar aumento aos seus funcionários por decreto da presidência americana”, exemplificou. O parlamentar chamou de falso o dito popular de que o País tem a gasolina mais cara do mundo. “Na verdade, o Brasil tem a 77ª gasolina mais cara do mundo, há então 76 países com combustível mais caro do que o nosso. No momento em que o Executivo quiser intervir no preço dos produtos de uma empresa, é o momento em que ela está fadada à falir”, concluiu.

O deputado Manoel Duca (PDT) partiu em defesa da Presidência da República: “O presidente, na maior boa intenção, se antecipou na intenção de parar esse aumento. Então as ações caíram, mas já estão se recuperando, estão reagindo. Na verdade, o que o presidente quis foi que não acontecesse o que houve no passado, quando vários empresários quebraram. Houve tantos desmandos nos governos anteriores, que agora temos que aguentar o tranco”, ponderou.

Já o deputado Dr. Carlos Felipe (PCdoB) juntou-se à Aguiar e Férrer nas críticas a Bolsonaro. “É um governo despreparado, sem rumo”, resumiu. “Bolsonaro é tão despreparado, que até quando ele quer ajudar, ele atrapalha”, acrescentou o deputado petista Elmano de Freitas (PT).

Deixe uma resposta