Deputado vai para Dubai e Israel mas nas atas das sessões da Assembleia constam que ele estava em “Missão Especial” - Blog Edison Silva

Deputado vai para Dubai e Israel mas nas atas das sessões da Assembleia constam que ele estava em “Missão Especial”

Apóstolo Luiz Henrique e Bispa Vanessa em Dubai. Eles são donos da “Recabitas Tur”. Foto: Reprodução/Instagram.

“Uma viagem inesquecível para você. Três dias em Dubai, a mais extraordinária cidade construída em pleno deserto, com alta tecnologia, beleza e sofisticação”. Esta foi a propaganda da “Recabitas Tur”, empresa de turismo de propriedade de Luiz Henrique Castelo Lima, o deputado estadual Apóstolo Luiz Henrique, líder dos Progressistas (PP) na Assembleia Legislativa do Ceará e presidente da Igreja do Senhor Jesus, no Ceará.

O parlamentar embarcou para Dubai no dia 29 de novembro e retornou no dia 11 de dezembro. Durante esse período, na Assembleia Legislativa, sua assessoria registrava que ele se encontrava em “Missão Especial”.

Missão Especial é quando o parlamentar está fora das atividades da sede do Poder Legislativo, no bairro Dionísio Torres, e se encontra participando de algum evento referente ao seu mandato como deputado estadual.

Além dos três dias em Dubai, o deputado e as pessoas que compraram o pacote de viagem para o Oriente Médio também visitaram Israel, durante sete dias. “Sete dias conhecendo a cidade santa. Sua vida não será a mesma”, anuncia a propaganda da Recabitas Tur, empresa do deputado e de sua esposa, Vanessa Falcão de Souza Castelo Lima, a bispa Vanessa, também da Igreja do Senhor Jesus.

Ao todo, o deputado Apóstolo Luiz Henrique faltou a dez sessões ordinárias da Assembleia Legislativa durante este período, incluídas aquelas (deliberativas) nas quais os parlamentares votam projetos de interesse da sociedade cearense. Ele foi um dos dois aliados do governador Camilo Santana que faltaram à reunião em que o chefe do Poder Executivo apresentou as propostas de Reforma da Previdência Social.

 

Foram três dias em Dubai e sete em Israel. Foto: Reprodução/Instagram.

O Blog do Edison Silva ligou para o deputado Apóstolo Luiz Henrique, mas ele não atendeu, e até a publicação desta matéria ele não retornou as ligações. Também foram realizadas ligações para sua assessoria e seu gabinete, também sem sucesso.

De acordo com o Departamento Legislativo da Assembleia Legislativa do Ceará, é preciso ouvir as explicações que serão dadas pelo deputado e por sua assessoria para incluir, em suas ausências, a chamada “Missão Especial” como justificativa.

Faltaram

Apesar das ausências com “missões especiais” como justificativa (com 15 faltas desde o dia 1º de novembro), Apóstolo Luiz Henrique não está sozinho nessa. Muitos outros deputados também faltaram a diversas sessões na Casa e utilizam esse argumento para justificar suas faltas.

André Fernandes (PSL), desde o dia 1º de novembro, já esteve em 11 “missões especiais”. João Jaime (DEM), 13 vezes, e Audic Mota (PSB), dez vezes. Davi de Raimundão (MDB), apesar de ser suplente, se ausentou 11 vezes neste período.

“Assuntos particulares”

No entanto, surpreende a quantidade de “missões especiais” do também suplente Gordim do Araújo (Patri), que se ausentou das atividades legislativas 17 vezes.

 

View this post on Instagram

Chegamos em Dubai #recabitasdubaiisrael2019

A post shared by Apóstolo Luiz Henrique (@apostololuizhenrique) on

 

 

Missão Especial: Termo utilizado pelos deputados para justificar ausência das sessões ordinárias. Nas missões especiais os parlamentares participam de atividades de interesse público ou de seu mandato. Quando um deputado se encontra em Missão Especial, é como se ele estivesse participando da plenária do dia. Por isso, sua ausência é justificada.

Informe

Na noite desta segunda-feira (16), o Blog do Edison Silva recebeu da Coordenadoria de Comunicação Social da Assembleia Legislativa cópia de um Memorando (172/2019), datado do dia 13 de dezembro (sexta-feira), encaminhado pelo deputado Apóstolo Luiz Henrique ao chefe do Departamento Legislativo, Carlos Alberto Aragão, com o seguinte teor: “Exmo. Sr. Diretor. Vimos, por meio desta, solicitar que desconsidere o Memorando 168/2019, que trata da justificativa de ausência por motivo de missão especial, em decorrência do cancelamento do compromisso oficial agendado, rogando desde já pela correção do apontamento das ausências respectivas para o período compreendido. Certo de sua aquiescência, manifestamos sinceros votos de elevada estima e distinta consideração. Atenciosamente, Apóstolo Luiz Henrique – Deputado Estadual”.