Enfermeira e Renan estão certos de que não tentarão reeleição. Freire diz que está estudando, mas filho já se apresenta como pré-candidato. Foto: CMFor

Pelo menos três vereadores da Câmara Municipal de Fortaleza não devem tentar reeleição no pleito eleitoral deste ano e vão apoiar a candidatura de parentes. De acordo com informações obtidas na Casa Legislativa, outros parlamentares avaliam se vão para a disputa ou se apoiam outros nomes.

Décima parlamentar mais bem votada em 2020, com mais de 10 mil votos, a vereadora Enfermeira Ana Paula, eleita pelo PDT e agora no PSB, não disputará uma das 43 vagas na Câmara Municipal de Fortaleza nas eleições deste ano. Desde o início da Legislatura, a pessebista teve diversos embates com a base governista do prefeito Sarto e passou a fazer oposição à gestão.

Quando da ida do prefeito à Câmara Municipal, no início deste ano, Ana Paula protagonizou críticas ao chefe do Poder Executivo no Plenário Fausto Arruda lotado, além de ter sido acusada de agressão contra a vereadora Cláudia Gomes (PSDB) e ao suplente de vereador Juninho Aquino, que disputa votos com Enfermeira Ana Paulo no bairro Jardim Iracema.

Ana Paula não tentará reeleição e apoiará a candidatura do marido, o ex-vereador Márcio Cruz, atualmente no PCdoB. Outro que já desistiu da disputa neste ano é o vereador Renan Colares (PDT), que está licenciado dos trabalhos na Casa e atuando na Secretaria Executiva Regional 6, na Grande Messejana, seu reduto eleitoral. Renan vai apoiar o irmão, Marcel Colares, que também atuou na pasta. Os dois são filhos do deputado estadual Fernando Hugo, do PSD.

Conforme informações de outros vereadores, José Freire (PDT) também não tentará reeleição neste ano, podendo dar lugar ao filho, Gabriel Freire, também filiado ao PDT. Em entrevista ao Blog do Edison Silva, o parlamentar, que está no seu terceiro mandato, afirmou que ainda está estudando se será ou não candidato, mas seu filho já se apresenta nas redes sociais como pré-candidato a vereador.

Reeleição

Outro que estaria em dúvida se tentará ou não reeleição é o vereador Marcelo Lemos, do Avante. O parlamentar pode ser substituído pelo filho, Vinícius Lemos, na disputa eleitoral em Fortaleza. Vinícius também se filiou ao Avante, partido que faz parte da base aliada do prefeito Sarto.

Segundo conversas nos bastidores da Câmara Municipal de Fortaleza, outros representantes do Legislativo Municipal podem mudar de ideia quanto a mais uma disputa eleitoral neste ano. No entanto, somente os parlamentares citados já definiram ou sinalizaram que não tentarão reeleição no pleito de 2024.