Quarto colocado nas eleições de Fortaleza, Heitor Férrer defende proibição de divulgação de pesquisas eleitorais - Blog Edison Silva

Quarto colocado nas eleições de Fortaleza, Heitor Férrer defende proibição de divulgação de pesquisas eleitorais

O deputado desde 2012 questiona judicialmente os institutos de pesquisa. Foto: Reprodução.

O deputado estadual Heitor Férrer (SD), quarto colocado na disputa pela Prefeitura de Fortaleza neste ano, defendeu a proibição da divulgação de pesquisas eleitorais durante as campanhas.

Heitor comentou o resultado das urnas no 2° turno na Capital e em Caucaia, bem diferente dos números que apontavam as pesquisas de opinião do Ibope e Datafolha divulgadas na véspera da votação.

“Os institutos manipulam números que enganam o eleitor. O Congresso tem que legislar para proibir a publicização de pesquisas eleitorais durante a campanha”, defendeu o parlamentar, em transmissão nas redes sociais. 

Férrer afirmou ainda que, em 2012, foi vítima das pesquisas. Na época, as urnas mostraram um resultado bem diferente das consultas, e Heitor ficou bem próximo do candidato Roberto Cláudio (PDT) que foi para o segundo turno com Elmano Freitas (PT). Roberto Cláudio acabou vencendo Elmano.

O parlamentar considera que as pesquisas o tiraram do 2º turno da disputa em Fortaleza naquele ano e, até hoje, corre ação na Justiça defendida pelos advogados Djalma Pinto, Francisco Maia Filho e Rafaela Pinho na qual Heitor Férrer pede indenização contra os institutos DataFolha e Ibope.

Deixe uma resposta