Governo do Ceará pretende iniciar a retomada da economia a partir de 1º de junho - Blog Edison Silva

Governo do Ceará pretende iniciar a retomada da economia a partir de 1º de junho

Camilo Santana mais uma vez fez apelo para o cumprimento do decreto de isolamento social. Foto: Ascom/Gov.CE

O governador Camilo Santana anunciou neste sábado (23), em transmissão pelas redes sociais, que está sendo construído com as áreas econômica e de saúde do governo um plano de flexibilização gradual do comércio no Ceará a partir do dia primeiro de junho.

Camilo enfatizou, no entanto, que tudo depende dos indicadores de infecção do coronavírus, cuja tendência em Fortaleza é de estabilização.

“Isso se confirmando (diminuição da demanda nos postos de saúde) até o final do mês de maio, a gente pretende iniciar o processo de retomada dia primeiro de junho, mas com muita responsabilidade, com planejamento, com monitoramento, para não ter que voltar”, disse o governador, acrescentando que o plano está sendo discutido, mas que em breve pretende anunciar as fases e os setores que poderão abrir primeiro.

Camilo reforçou o apelo para que os cearenses cumpram o período de isolamento até o final do mês e, especificamente, o fortalezense, o isolamento social rígido na Capital. “Quanto mais a gente cumprir com esse isolamento, mais rápido a gente inicia essa retomada”, apelou.

Essa retomada das atividades deve acontecer de forma planejada para que não seja necessário outro episódio de isolamento social. “Se não for feito de forma responsável, com protocolo, com acompanhamento e monitoramento, a gente pode perder o controle e ter de voltar tudo de novo”, explicou.

Reunião com prefeitos

Camilo informou que na sexta-feira (22) teve uma reunião virtual com 117 prefeitos do Ceará, que contou com a presença do secretário da Saúde, Dr. Cabeto, e do superintendente da Escola de Saúde Pública (ESP), Marcelo Alcântara. O governador vai agendar outras reuniões regionalizadas com os prefeitos. Tudo para se possa estabelecer protocolos e ampliar os serviços de atenção primária para cada nível da pandemia nos municípios.

“Tem de haver um protocolo inicial elaborado por cada cidade cearense, para que as pessoas possam ser tratadas logo no início da doença, em muitos casos tratadas mesmo em casa, seguindo as orientações dos profissionais de saúde. Quando mais cedo se trata, logo ele se recupera e nós evitamos levar o paciente até o nível da necessidade de uma UTI”, orientou o governador.

Feriado

“Acertei com o prefeito Roberto Cláudio para que possamos antecipar dois feriados na Capital, através de uma Lei Municipal e de dois decretos que serão apreciados pela Câmara. O feriado de Corpus Christi (11 de junho), e Nossa Senhora da Assunção (15 de agosto), ambos serão antecipados para a próxima semana. Isso`ajuda para quando voltarmos às atividades econômicas, não ter de fechar de novo nessas datas”, antecipou Camilo.

O governador do Ceará finalizou seu pronunciamento pedindo a compreensão de todos os cearenses, lembrando que todas as medidas são pautadas pela ciência e orientadas por especialistas. “Já são mais de 20 mil pessoas recuperadas pelo sistema público de saúde no Ceará, vamos continuar trabalhando para salvar vidas e minimizar os transtornos da pandemia no Estado.”

Com informações da Ascom/Gov.CE.

Deixe uma resposta