Com a solidariedade ao secretário de Saúde, presidente do PSDB cearense condena manifestação de deputado estadual - Blog Edison Silva

Com a solidariedade ao secretário de Saúde, presidente do PSDB cearense condena manifestação de deputado estadual

Luiz Pontes, presidente do PSDB/CE, presta solidariedade ao secretário de Saúde do Ceará.

O presidente do PSDB-Ceará, ex-senador Luiz Pontes, condenou nesta terça-feira (11), as acusações do deputado estadual André Fernandes, que utilizou de suas redes sociais para atacar o Secretário Estadual de Saúde, Carlos Roberto Martins Rodrigues Sobrinho, o Dr. Cabeto. O parlamentar, em postagem em sua página no Twitter no último fim de semana, acusou o secretário de estar pressionando profissionais de saúde a assinarem atestados de óbito como se fossem de Covid-19, mesmo em causas sem qualquer relação com a pandemia do novo coronavírus.

Para o dirigente tucano, as acusações não atingem apenas a dignidade do Secretário de Saúde, como também desrespeita todos os profissionais “que se arriscam e doam o melhor de si no combate diário à pandemia”. Luiz Pontes afirma que André Fernandes faz uso de fake news (notícias falsas), o que em si já demonstra a gravidade do caso, mas também choca pela falta de empatia e solidariedade nesta que é a maior crise sanitária já enfrentada pela atual geração no mundo.

Para Luiz Pontes, ações inconsequentes como esta do deputado André Fernandes acarretam em desserviços e prejuízos à sociedade como um todo e ainda respingam de forma lamentável na qualidade da produção e do nível intelectual dos que integram o Poder Legislativo Estadual.

Nota de Desagravo:

No momento em que o Ceará se esforça para frear os índices crescentes de casos de Covid-19 que já atingem todos os nossos 184 municípios, causa-nos espanto que o reincidente deputado André Fernandes se utilize de suas redes sociais para cometer crime com disseminação de notícias falsas, atacando a honra e integridade do secretário estadual da Saúde, Carlos Roberto Martins Rodrigues Sobrinho, o Dr. Cabeto, médico de respeitada formação humanística e um dos mais experientes cardiologistas do país.

De forma caluniosa e inconsequente, o deputado André Fernandes acusa o Secretário Cabeto de pressionar profissionais de saúde a inserir nos atestados de óbito causas relacionadas à Covid-19, mesmo sem relação direta com o vírus. A acusação não atinge apenas a dignidade do Secretário de Saúde, como também desrespeita todos os profissionais que se arriscam e doam o melhor de si no combate diário à essa pandemia, que vem ceifando a vida de nossos irmãos cearenses.

Atitudes como essa nos chocam pela falta de empatia e solidariedade nesta que é a maior crise sanitária que nossa geração já enfrentou. Enquanto uns doam conhecimento, qual a contribuição do deputado André Fernandes para minimizar os efeitos da pandemia no Ceará? Em votação recente, o citado parlamentar se notabilizou por votar contrário à aprovação da Lei das Fake News, que responsabiliza administrativa e criminalmente aqueles que divulgarem notícias falsas. Eleito com o maior número de votos para a atual legislatura, tem marcado seu mandato de forma medíocre, inclusive com processo no Conselho de Ética da Assembleia Legislativa por caluniar sem provas um colega parlamentar, episódio que o levou a se retratar e ter recomendação de suspensão do mandato por trinta dias.

Diante disso, o PSDB vem a público manifestar seu repúdio a esse tipo de comportamento que acarreta desserviços e prejuízos à sociedade como um todo e reiterar nossa solidariedade ao Secretário Dr Cabeto e profissionais de saúde do Ceará. Quanto ao deputado André Fernandes, esperamos que aprenda com seus erros e não contribua com transtornos irreparáveis pelo uso de informações falsas, que ainda respingam de forma lamentável na qualidade da produção e do nível intelectual dos que integram o Poder Legislativo Estadual.

Luiz Pontes, ex-senador e presidente do PSDB Ceará

Deixe uma resposta