Luizianne Lins oficializa ao diretório municipal do PT sua candidatura à Prefeitura de Fortaleza - Blog Edison Silva

Luizianne Lins oficializa ao diretório municipal do PT sua candidatura à Prefeitura de Fortaleza

Luizianne ficou na terceira colocação nas eleições de 2016. Foto: André Corrêa/Agência Senado.

A deputada federal Luizianne Lins registrou, na tarde desta segunda-feira (13), seu interesse de ser escolhida como pré-candidata do Partido dos Trabalhadores (PT) às eleições municipais de Fortaleza, em outubro próximo. Como o Blog do Edison Silva já havia adiantado, a petista deve ser o único nome da agremiação para a disputa eleitoral que se avizinha.

Devido à pandemia de coronavírus, seus correligionários acharam por bem não realizar qualquer evento festivo, e o registro da pré-candidatura aconteceu de forma virtual, através de e-mail. O prazo para inscrições de pré-candidaturas no PT se encerrou nesta segunda-feira, e até a publicação desta matéria, somente Lins havia demonstrado interesse na disputa.

Dessa forma, não haverá concorrência interna, e o nome de Luizianne Lins deve ser escolhido no próximo dia 5 de abril. O PT de Fortaleza havia programado um encontro municipal para ratificar a escolha partidária. No entanto, para isso, mais de 200 pessoas teriam que se reunir, o que está proibido por decreto do governador Camilo Santana.

Executiva

Falando em Camilo, o governador não está tendo qualquer participação no processo de escolha do Partido dos Trabalhadores na Capital. O chefe do Executivo está focado, principalmente, no combate à transmissão de coronavírus no Ceará.

Como não vão realizar encontro para tratar da escolha do nome petista, o presidente do partido deve realizar um ato com a executiva, que conta com 18 membros, ou com o diretório, que totaliza 46 integrantes. A cúpula do PT ainda não definiu como fará a reunião no próximo dia 5 de abril.

Reeleito

Luizianne Lins foi prefeita de Fortaleza de 2005 a 2012, durante dois mandatos. Em 2012, seu apadrinhado político, Elmano de Freitas (PT), foi derrotado no segundo turno das eleições para Roberto Cláudio, este apoiado pelo então governador do Estado, Cid Gomes.

Em 2016, Luizianne Lins ficou na terceira posição, atrás de Capitão Wagner e Roberto Cláudio, que foi reeleito para seu segundo mandato, que se encerra no dia 31 de dezembro deste ano. Wagner e Luizianne devem estar novamente na disputa eleitoral deste ano. Enquanto que o atual prefeito trabalha com seu grupo político um nome que dê prosseguimento ao seu projeto administrativo na Capital.

Deixe uma resposta