Governador decide suspender as aulas nas escolas públicas e prefeitos cearenses se reúnem para debater estratégias para evitar o coronavírus - Blog Edison Silva

Governador decide suspender as aulas nas escolas públicas e prefeitos cearenses se reúnem para debater estratégias para evitar o coronavírus

Arte: Seduc/CE.

O governador Camilo Santana decidiu, nesta segunda-feira (16), suspender pelo período de 15 dias, a partir desta quarta-feira (18), as aulas nas escolas públicas cearenses, sugerindo que a rede privada estabeleça a mesma suspensão de suas aulas.

O período definido para a suspensão das aulas pode ser ampliado. A providência é para conter a propagação do coronavírus no Estado do Ceará

Na mesma medida, o governador resolveu suspender todos os eventos públicos com mais de 100 pessoas, visitas a presos, férias de servidores de saúde, além da determinação de outras ações com o mesmo objetivo de evitar o contágio do coronavírus.

Por seu turno, a Associação dos Municípios do Estado do Ceará – Aprece realizará, nesta terça-feira (17), reunião com prefeitos cearenses e seus respectivos secretários de Saúde para discutir ações diante da pandemia de coronavírus  (COVID-19) e formas de prevenir a disseminação no Ceará. O encontro será no auditório da entidade (Rua Maria Tomásia, 230, bairro da Aldeota, em Fortaleza) a partir das 8:30.

No último dia (10), o Governo do Estado lançou o Fórum Estratégico da Saúde no Ceará com o objetivo de dar visibilidade às estratégias e projetos para os próximos anos.

Na reunião da Aprece, haverá palestra sobre o tema ministrada pelo professor/doutor Ivo Castelo Branco. Os participantes terão acesso a informações técnicas resumidas e direcionadas sobre o vírus, cuja rápida expansão tem preocupado o mundo todo.

Governo do Estado

As secretarias da Educação (Seduc) e da Saúde (Sesa) do Governo do Estado elaboraram nota conjunta com recomendações que devem ser adotadas nas unidades de ensino da rede pública estadual para prevenção ao coronavírus (Covid-19). As orientações vão desde o ato de lavar as mãos até o desenvolvimento de atividades educativas que contribuam para a mobilização e engajamento de toda a comunidade escolar na prevenção ao vírus.

A nota esclarece ainda que na ocorrência de qualquer mudança no cenário epidemiológico, que justifique a adoção de outras medidas de prevenção e controle dirigidas à comunidade escolar, haverá divulgação, em tempo hábil.

“Trabalhar pedagogicamente este contexto é fundamental para que os estudantes se apropriem dos conceitos e conheçam como podem ser agentes multiplicadores sobre a prevenção ao coronavírus junto aos amigos, às famílias e à comunidade onde vivem”, diz.

A Secretaria de Saúde está seguindo todas as recomendações do Ministério da Saúde (MS) e da Organização Mundial de Saúde (OMS) para a contenção do novo coronavírus no Estado. A população pode se informar sobre a doença, conhecer os sintomas e dicas de prevenção no site e nas redes socais da Sesa. Todos os dias a Sesa divulga o boletim epidemiológico do Covid-19. O documento atualiza informações sobre o número de casos suspeitos e descartados, fluxo de atendimento e outras orientações.

Com informações da COMAK/Aprece e da Ascom/Gov.CE.

Deixe uma resposta