Ásia de quarentena - Blog Edison Silva

Ásia de quarentena

         
De acordo com a DW – DEUTSCHE WELLE, agência de informações da Alemanha, as viagens em grupo pela China e para o exterior são canceladas para tentar conter surto de novo vírus, que se espalha por outros países.
A China anunciou neste sábado (25) a suspensão de todas as excursões turísticas chinesas no país e para o exterior para tentar conter a expansão do surto de um novo coronavírus, que já infectou quase 1,4 mil pessoas e deixou 41 mortos.
De acordo com a emissora estatal chinesa CCTV, a Associação de Turismo da China suspendeu já na sexta-feira as viagens em grupo pelo país. A partir de segunda-feira, todas as excursões para o exterior partindo da China serão canceladas.
As primeiras infecções pelo novo coronavírus, batizado provisoriamente de 2019-nCoV pela Organização Mundial da Saúde (OMS), foram detectadas na cidade chinesa de Wuhan no final do ano passado e remontam a um mercado de animais selvagens e peixes, que agora foi fechado.
O vírus pode ter sido transmitido através do contato direto entre humanos e animais, ou simplesmente através do ar.
Como o vírus é transmitido? Já foi confirmado que o novo coronavírus pode ser transmitido entre humanos, mas ainda não está claro como. Embora muitos outros coronavírus sejam transmitidos por tosse e espirros, até o momento não se sabe se esta também é a forma de transmissão do novo vírus.
Fora da China, o Comitê Nacional de Saúde do país informou que duas das três pessoas que contraíram o vírus na Tailândia se curaram, assim como uma no Japão.
Além disso, foram registrados casos na Coreia do Sul, Estados Unidos, Cingapura, Vietnã e Austrália. Há também um caso em Taiwan, mas o governo da China considera a região como uma província do país e, por isso, inclui os números da área dentro do balanço nacional.
Em um caso assim, o medo do contágio chega mais rápido que o próprio vírus, sendo impossível avaliar os prejuízos que estão se avolumando em praticamente toda a Ásia no tocante ao turismo. O rigor nos aeroportos da Ásia, inclusive com detectores de temperatura corporal dos que chegam, visa impedir a entrada dos visitante da China e de turistas que apenas passaram por lá.
Fotos: A.Capibaribe Neto
Especial para o Blog do Edison Silva.

Deixe uma resposta