Delegado Cavalcante nega que Bolsonaro tenha feito cortes no Bolsa Família - Blog Edison Silva

Delegado Cavalcante nega que Bolsonaro tenha feito cortes no Bolsa Família

Delegado Cavalcante defendeu cortes de ‘gastos desnecessários’ por parte do Governo Federal. Foto: ALECE

O deputado estadual Delegado Cavalcante (PSL), quarto orador do primeiro expediente desta quarta-feira (22), na Assembleia Legislativa, rebateu críticas de outros parlamentares à diminuição do programa Bolsa Família, por parte do Governo Federal. “Bolsonaro não cortou um benefício do Bolsa Família, o que teve foi que 380 mil desistiram, com medo de serem presos, pois estavam recebendo sem ter o perfil de renda, o perfil exigido para receber”, explicou.

O parlamentar disse que, com a economia gerada por essas desistências, o Governo Federal vai pagar o 13º salário do programa, e ‘ainda vai sobrar dinheiro’. Cavalcante afirmou que o governo Bolsonaro é o ‘governo da moralização, que não admite corrupção nem em meio ao seu povo’, dizendo que o presidente realizou cortes nos gastos desnecessários da gestão pública.

Em aparte, o deputado Vitor Valim (PROS) afirmou que parlamentares oposicionistas do Governo Federal na Casa criticam o déficit da previdência nacional, mas ignoram quando vários municípios cearenses apresentam déficit da previdência.

Deixe uma resposta