Solenidade de posse dos novos deputados estaduais - Blog Edison Silva

Solenidade de posse dos novos deputados estaduais

Dia primeiro de fevereiro tomam posse novos deputados e será eleita nova Mesa Diretora. Foto:Assembleia Legislativa/Divulgação.

O setor competente da Assembleia Legislativa cearense já prepara a solenidade que marcará a posse dos novos deputados estaduais, dia primeiro de fevereiro, na parte da manhã. Será um evento rápido, pois constará de apenas a leitura coletiva do juramento, e a afirmação pessoal de “assim o prometo”. Como aqui já registramos, todos os deputados eleitos já entregaram a documentação reclamada para a posse, incluindo a última declaração do imposto de renda e o diploma conferido pelo Tribunal Regional Eleitoral, conferindo a sua eleição.

Imediatamente após a posse, depois das despedidas dos familiares, os deputados participarão de uma sessão, chamada preparatória, para a eleição dos integrantes do Mesa Diretora da Assembleia, composta de um presidente, dois vice-presidentes, quatro secretários e três suplentes. Os eleitos serão empossados finda a eleição. O mandato será de dois anos, “admitida a recondução ao mesmo cargo na eleição subsequente, na mesma legislatura e na seguinte”, diz o Regimento Interno da Casa e a Constituição do Estado do Ceará.

Por orientação das principais lideranças do PDT cearense, os próximos representantes do partido que compuserem a direção da Assembleia, não poderão ser reeleitos, nesta legislatura, para permitir que outros integrantes do partido, se na segunda metade desta legislatura a bancada ainda for a maior, possam ser eleitos para o comando do Poder Legislativo. Embora o deputado Tin Gomes ainda esteja reagindo, tudo parece decidido que será o pedetista José Sarto, o próximo presidente da Assembleia. Os demais cargos da Mesa ainda estão sendo negociados.

No dia 2 de janeiro, o novo presidente da Assembleia instala o ano legislativo, inclusive com a presença do governador Camilo Santana, pois é na primeira sessão do ano que o governador faz, pessoalmente, ou por um dos seus secretários, a prestação de contas das ações efetivadas no ano passado, assim como a projeção das principais atividades do Governo, no ano em curso.

Deixe uma resposta