Perspectivas para os hubs do Ceará é tema de Seminário - Blog Edison Silva

Perspectivas para os hubs do Ceará é tema de Seminário

A Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC) abrigou nesta quinta-feira (24) o seminário Rota Ceará 2020, que reuniu especialistas, executivos, empresários e representantes de órgãos públicos para discutir o desenvolvimento do Ceará na perspectiva dos hubs aéreo, logístico e digital.

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Trabalho do Ceará, Maia Júnior, representando o governador Camilo Santana, deu as boas-vindas aos participantes e falou da importância do evento para a discussão dos caminhos que o Ceará vem trilhando para prosperar. Maia Júnior destacou a necessidade do planejamento para que investimentos que resultaram na concretização dos hubs pudessem acontecer e afirmou que as Rotas Estratégicas Setoriais elaboradas pela FIEC, através do Observatório da Indústria, juntamente com o Plano Fortaleza 2040 e a Plataforma Ceará 2050 são “um poderoso instrumento para fazer um desenvolvimento mais arrojado no estado”.

Para o secretário, a grande questão a ser pensada em relação aos hubs é de que forma eles podem promover competitividade e ganho de produtividade na economia cearense. “Sem isso, não há sobrevivência. Precisamos buscar um portfólio de empresas que tenham perpetuidade. Isso é o que vai garantir o desenvolvimento ”, declarou.

O evento faz parte de um projeto de conteúdo editorial que contempla ainda uma publicação impressa e um webdocumentário, conforme explicou o coordenador da iniciativa, George Frota, na solenidade de abertura.

A programação técnica foi dividida em três momentos, sendo um para cada hub. Ao longo do dia, foram apresentados os cenários e as oportunidades de negócios que os hubs criam nos setores da indústria, comércio e serviços. O seminário é uma realização do Instituto do Conhecimento e da Produção Cultural, com a organização da Ideia de Evento. Conta com o patrocínio da FIEC, Sebrae, Banco do Nordeste, Governo Federal, Adece, Câmara Municipal de Fortaleza, Prefeitura de São Gonçalo do Amarante, Tecer Terminais, APM Terminals, Unilink, Sou Energy e Unimed Ceará.

Texto e Foto: Fiec.

Deixe uma resposta